© 2019 - Ciclo Inteligência em E-commerce.
All rights reserved.

BLOG

Giro de estoque no E-commerce: Como desencalhar produtos

Flávio Beraldo

Por Flávio Beraldo

12 de maio de 2017

Saber comprar certo e na quantidade certa é uma das tarefas de quem gerencia um e-commerce. Isso porque comprar de menos ou comprar a mais, ambos podem trazer aspectos negativos a loja. Nesse momento, saber fazer o giro de estoque é fundamental para otimizar recursos e tornar a operação mais lucrativa.

Controle de estoque – Quantidade e tempo

O estoque é um dos principais, se não o maior investimento que um e-commerce possui, com isso, saber trabalhá-lo de forma eficiente, faz com que sua operação se torne mais lucrativa e você consiga oferecer o melhor da sua loja para os consumidores.

Sendo assim, controlar bem o estoque lhe permite saber quais são os produtos que mais vendem, quais os períodos de maior saída, os produtos mais rentáveis e aqueles que estão parados há um bom tempo.

Todas essas informações são essenciais para efetuar uma compra bem planejada e você ganhar dinheiro nesse planejamento, isso porque pode evitar alguns problemas como:

– comprar de menos: Comprar uma quantidade baixa demais, corre o risco de a sua loja ter a falta de determinado produto e acabar perdendo vendas.

– comprar de mais: Temos também o inverso. Comprar demais há o problema de dispor um valor maior no investimento em estoque que ficará parado, tendo um giro de estoque mais lento.

– tempo de compra: ter um controle de estoque permite avaliar melhor a relação de tempo entre o estoque estar acabando e o tempo de reposição, com intuito de não faltar produtos.

A importância do giro de estoque

Como pode ver, ter dados atualizados do estoque permite maior controle no gerenciamento e ganhos na compra, tanto no momento de negociação com o fornecedor quanto para a quantidade de compra ideal conforme a sua demanda.

Pense nos dois problemas: ter produtos em excesso ou falta de produtos. Veja a importância do giro de estoque.

Sempre deve haver um equilíbrio entre demanda e oferta de produtos, considerando até mesmo margens de segurança para evitar os problemas já citados. Com isso, girar os produtos para que possa novamente investir em itens de maior saída faz com que a empresa tenha maior fluidez em seu caixa e possa ter maiores ganhos.

Ter o estoque parado, além de ser um recurso financeiro que não está sendo investido, não há ganhos, ele acaba ocupando espaço físico que também deve ser considerado um custo. O empresário ou gestor deve ter claro esse ponto para que não se iluda achando que não está tendo perda. Não é porque não sai dinheiro do caixa que você não esteja perdendo dinheiro.

Formas de ter um giro de estoque

Conseguiu identificar aqueles produtos que estão parados no estoque e que precisam se renovar?

Agora é preciso ter ações que façam com que esse produto saia do estoque e de espaço para aqueles de maior saída e que tenham melhor rentabilidade para o seu e-commerce. Vamos a algumas dicas de como renovar seu estoque.

Datas especiais

Procure aproveitar datas sazonais como forma de puxar as vendas e criar ações promocionais para aqueles produtos encalhados no seu estoque. No calendário de varejo há diversas datas que podem ser aproveitadas como gancho de vendas para o seu e-commerce.

Tenha uma campanha criativa que chame atenção do consumidor e ele possa ser motivado a comprar aquele produto.

Combos/kit

A formação de combos ou kits que mesclem aqueles produtos com uma boa saída com os parados no estoque, possibilitam você eliminar aqueles que estão ocupando espaço, como também aumentar o ticket médio de compra da sua loja.

Mas é preciso tomar cuidado para não colocar produtos defeituosos ou algo do tipo que gere algum transtorno para o cliente. É preciso enxergar como um brinde, um produto de cortesia para o cliente, mesmo considerando uma margem menor para aquele produto parado.

Cupons de desconto

O uso de cupons de desconto é uma ótima forma de girar o estoque e fazê-lo renovar. Muitas vezes você já ganha uma boa margem em produtos com boa saída que não necessariamente precisem de desconto para serem vendidos, fazendo com que possa explorar essa estratégia nesses produtos de menor saída.

Procure evitar dar desconto descontrolados e que gerem margem negativa do produto. Muitas vezes é possível obter ganhos, mesmo que pequenos, naqueles produtos que estão há um bom tempo em seu estoque.

Teste AB

Devemos considerar que alguns produtos não possuem uma boa saída devido a sua exposição. Uma categoria diferente, divulgação inadequada, investimento na exposição, podem ser alguns problemas que façam com que aquele produto seja afetado.

Desta forma, é interessante promover testes de campanhas, exposição do produto dentro da loja, monitorar os acessos a página do produto para ver se há algo impedindo a compra ou realizar uma pesquisa ajudando a identificar o interesse por aquele determinado produto.

Trabalhe com um estoque de segurança ou estoque mínimo.

O estoque de segurança ou estoque mínimo é aquela quantidade mínima de produtos que deve ter em estoque e que você consiga identificar o tempo de reposição do mesmo. Ele dará o tempo de você acionar o fornecedor, a mercadoria ser entregue antes que fique sem produtos na loja.

Ter um histórico o ajudará a ter melhor conhecimento sobre o quanto planejar de quantidade. Se não houver histórico, o planejamento, previsão dentro do business plan te dará um norte para que possa iniciar.

Ter esse controle de demanda e quantidade de produtos na loja é fundamental para evitar dores de cabeça devido a reclamações de clientes e compras efetuadas sem produtos em estoque.

Ferramentas para controle de estoque

Controlar o estoque por planilhas em Excel pode dar um enorme trabalho, como também muitas possibilidades de erro e problemas. Atualmente há diversos ERP’s que ajudam a controlar o estoque de forma eficiente.

Eles ajudam a coletar informações importantes como: produtos mais vendidos, falta de produtos, produtos mais rentáveis, estoque mínimo, entre outras informações gerenciais importantes.

Outra ferramenta de gestão que ajudará a identificar melhor o seu estoque é a CURVA ABC que possibilitará ter uma informação sobre os produtos que mais saem da loja, aquelas categorias mais rentáveis e os produtos que menor contribuem.

Deixo aqui dois links sobre esses assuntos que escrevemos em nosso blog.

http://blog.cicloagenciadigital.com.br/curva-abc-de-clientes/

http://blog.cicloagenciadigital.com.br/ferramentas-para-controlar-seu-estoque/

Concluindo

Tenha um maior conhecimento sobre os produtos que compõe seu estoque, isso permitirá que ao realizar o giro de estoque, isso seja feito de forma eficiente e que você consiga direcionar os recursos de forma mais inteligente e que traga melhores retornos financeiros.

Sendo um mercado tão concorrido, gerenciar todos os recursos do e-commerce, desde pessoas até o estoque de forma consciente, faz com que você saia na frente e possa proporcionar o melhor ao seu cliente.