© 2019 - Ciclo Inteligência em E-commerce.
All rights reserved.

BLOG

Marketplace e E-commerce: Entenda a diferença

Flávio Beraldo

Por Flávio Beraldo

19 de setembro de 2017

Quer entender a diferença entre marketplace e e-commerce? Não fique preocupado, essa é uma dúvida muito comum em diversas empresas e empreendedores que estão iniciando as vendas dos seus produtos pela internet.

Nesse artigo você conhecerá a diferença entre esses 2 canais de venda que pode ajudar a sua empresa, então vamos lá.

A diferença entre marketplace e e-commerce

Marketplace

Bom, se fossemos resumir o marketplace é como se fosse um shopping só que online, onde ele reúne diversos lojistas que desejam vender seus produtos. É muito importante que você entenda que a empresa que gerencia o marketplace não é responsável pelos produtos, e sim na gestão da plataforma, controlando a credibilidade dos lojistas e também as políticas de vendas no canal.

Podemos citar alguns exemplos, como: mercado livre, elo7 e etc., mas se você quiser entender mais sobre esse canal, veja esse artigo sobre marketplace.

https://www.youtube.com/watch?v=ug4xOx4rmF0

Quais os benefícios e riscos de um marketplace?

Principalmente para as pessoas que estão iniciando suas vendas pela internet é um bom caminho, pois diferente da construção de um e-commerce, esse canal possui poucos riscos em questão de investimento como: criação de infraestrutura da loja, investimento em marketing digital e etc.

Já se você deseja ter um pleno crescimento dos resultados do seu negócio, neste canal você não terá 100% da autonomia sobre os resultados, pois como não existe um trabalho de marketing digital feito especificamente para o seu negócio, os resultados acabam sendo compartilhados com todos os lojistas da plataforma.

E-commerce

Um e-commerce é desenvolvido com base em uma plataforma de comércio eletrônico que possibilita a venda de produtos pela internet. Diferentemente do marketplace, a empresa que escolhe esse modelo de negócio é responsável por todo o ecossistema, desde os produtos até a gestão de sua infraestrutura.  

Quais os benefícios e riscos de um e-commerce?

Se escolher desenvolver uma loja virtual para a sua empresa é essencial que você compreenda que será necessário um investimento superior ao realizado em um marketplace, como: implantação de e-commerce, investimento em marketing digital, contração de fornecedores como uma agência de e-commerce e etc.

Em contrapartida você terá 100% da autonomia sobre os resultados do seu negócio, ou seja, maior controle e claro, uma loja virtual nos permite pensar muito além da venda e sim na fidelização dos clientes, o que torna um negócio mais previsível, escalável e rentável.

Qual a melhor escolha, vender pelo marketplace ou um e-commerce?

Essa é uma etapa muito importante, separei alguns fatores básicos que você deve analisar, caso queira escolher algum dos caminhos.

Avalie o cenário atual da sua empresa

É muito importante que você seja criterioso para literalmente não comer bola, por isso faça uma avaliação do cenário atual do seu negócio, como capacidade de investimento para que seja possível projetar os riscos envolvidos em cada cenário.  

Analise o mercado e seu produto

Cada canal de venda possui características diferentes, por isso é muito importante que você analise o comportamento de consumo do seu mercado e também compreenda como é o posicionamento do seu produto. Essa análise é essencial, pois nem tudo que gera venda em um gerará tantas vendas no outro.

Quer as duas opções? Faça a integração entre o marketplace e sua loja virtual

Deixei essa dica para o final, mas se você deseja fazer vendas pelo marketplace e e-commerce, existe a possibilidade de realizar a integração entre esses dois canais, isso pode ser feito tanto pela tecnologia da plataforma de e-commerce da sua empresa ou até mesmo por ferramentas que possui essa característica de solução.

Gostou desse conteúdo ou ficou com alguma dúvida? Deixe seu comentário