© 2019 - Ciclo Inteligência em E-commerce.
All rights reserved.

BLOG

Mobile E-commerce, tudo o que você precisa saber

Flávio Beraldo

Por Flávio Beraldo

1 de fevereiro de 2017

Até Maio de 2016 foram registrados mais de 168 milhões.de smartphones no Brasil, sendo que a previsão para 2018 é que o número de smartphones ativos chegue a 236 milhões. Com isso, pensar em estratégias para móbile ecommerce é questão de sobrevivência em um mercado tão disputado.

Além disso, cada vez mais está sendo ampliado as redes wi-fi e 4G, o que contribui para maior democratização da internet e novos internautas surjam, como também melhore sua conexão.

Estar preparado para receber esse público em sua loja virtual é fundamental para garantir novas vendas, como também proporcionar uma boa experiência de navegação, sem a necessidade do visitante ficar arrastando, maximizando ou tendo algum esforço extra para enxergar ou até mesmo comprar o seu produto.

Estatísticas no móbile ecommerce

Aqui vão mais alguns dados que mostram a importância destas plataformas (tablets, smartphones e telas responsivas).

66% do tempo que usuários passam em sites de e-commerce acontecem via smartphone.

Mais do que isso, 61% dos usuários que navegam na internet em seus celulares, saem rapidamente de sites onde a navegação não é boa.

  • 23% de participação de dispositivos móveis no total de compras realizadas virtualmente
  • 18,8% das transações de compra efetuadas no primeiro semestre foram feitas por dispositivos mobile
    Dados: 34º Webshoppers (E-bit/Buscapé, 2016)

Isso demonstra uma tendência cada vez maior dos visitantes efetuarem suas compras ou decidi-las a partir da interação com dispositivos móveis, navegando tanto em páginas de opiniões, redes sociais ou aplicativos de mensagens, onde possa consultar outros internautas sobre sua experiência na loja.

O Portal NOVAREJO expos um infográfico interessante sobre o crescimento do Mobile Ecommerce no Brasil, caso queira maiores dados.

Seu e-commerce adaptado aos dispositivos móveis

Considerando que a maior parte do tempo, seu consumidor se encontra conectado ao smartphone em alguma rede social, checando emails ou jogando em algum aplicativo, ter seu e-commerce adaptado para esse tipo de dispositivo torna-se algo lógico.

As ações que irá planejar, tanto em segmentação até mesmo direcionamento de canais, como a própria rede social ou email, somente surgirá efeitos positivos, a partir do momento que o caminho esteja todo preparado.

Por exemplo, se você faz algum anúncio para o Facebook, alguém clica e vá para sua loja. Se ela não estiver adaptada, o usuário tende a fechar pela má experiência e buscar outro site. Aqui, além de perder a oportunidade de venda, também houve um custo com a própria mídia a toa.

Mesma coisa se for fazer uma campanha de email marketing. Irá direcioná-lo para a loja que não tem o mínimo preparo para proporcionar uma boa experiência. Por isso, ter um layout responsivo irá contribuir para que ao longo da jornada e estratégia traçada, isso não afete o momento de compra do usuário.

Tendências para móbile ecommerce

Ter um layout responsivo não temos nem como considerar tendência, já é algo mais do que obrigatório atualmente. Entretanto, há algumas estratégias que já estão conhecidas pelo mercado e que cada vez mais ganham força para melhor atender e impactar os clientes.

Marketing de proximidade

Se você possui um e-commerce, mas também uma loja física é importante pensar nesses dois canais como um só, um complementando o outro. O cliente busca a mesma experiência (considerando ser boa) em ambos os canais, para ele é uma marca só e não poderia ser diferente.

Entrando nisso, o marketing de proximidade pode proporcionar estratégias que se complementem com a que você utiliza em sua loja virtual. Eu explico:

Supomos que você possui esses dois canais e o cliente passe por sua loja física. Através dos Beacons e estratégia de proximidade, você pode ter pesquisado em seu smartphone alguns produtos de determinada loja e não ter comprado. Assim que passa em frente a loja, é disparado uma promoção desses produtos que visitou anteriormente no outro canal (loja virtual). Com isso, torna a ação bem mais estratégica e certeira.

Cross Device

Já pensou que o visitante da sua loja pode navegar pelas páginas do seu e-commerce pelo celular, dar uma conferida novamente naquele produto através do tablet, e a noite comprá-lo através do laptop?

Sim, acontece muitas vezes. É a jornada que o cliente pode fazer para comprar o seu produto, seja por um, dois ou até mesmo três dispositivos diferentes. E assim, ter uma comunicação eficaz para cada plataforma, ajuda a elevar a conversão dessa venda.

Além do mais, mapear esse comportamento e saber quando está mais propenso a comprar, ajuda a direcionar sua oferta na hora certa. É algo mais avançado, que ferramentas tecnológicas ajudam no momento de captar e reunir o máximo de informações sobre o visitante a ponto de reconhecer sua presença em determinado dispositivo e ter assim uma oferta e comunicação cada vez mais personalizada.

Gostou desse conteúdo ou ficou com alguma dúvida? Deixe seu comentário